press to zoom

press to zoom
1/2

Santa Catarina dispensa a Prova de Vida para aposentados e pensionista

Santa Catarina é o primeiro estado do país a dispensar a Prova de Vida para aposentados e pensionistas

Santa Catarina sai na frente mais una vez, e torna-se o primeiro estado do país a dispensar a Prova de Vida para que aposentados e pensionistas do serviço público estadual possam receber seu benefício.


O fim do procedimento já está em vigor, livrando beneficiários – em especial pessoas com deficiência ou de idade mais avançada – dos transtornos e do desconforto de ter que se deslocar anualmente a uma unidade de atendimento para a comprovação de vida. Hoje são 12 mil pensionistas e 65 mil servidores aposentados recebendo pensões e aposentadorias do Governo do Estado de Santa Catarina.


Graças a um convênio firmado há um ano, o governo passou a ter acesso direto ao registro de óbitos da base de dados do Tribunal de Justiça (TJ). Por intermédio de uma API (Application Programming Interface, uma interface de programação que possibilita a comunicação entre plataformas através de uma série de padrões e protocolos), o governo consegue selecionar e extrair as informações que precisa do sistema informatizado do TJ.


São cruzados o nome completo, CPF e nome da mãe do servidor ou pensionista. “Conseguimos, assim, receber todas as informações do registro civil dos cartórios catarinenses. Antes de rodar a folha, verificamos se existe o óbito de algum servidor em nosso banco de dados”, explica.


Na folha deste mês, os registros de óbito que chegam à base de dados do governo ainda estão restritos aos ocorridos em Santa Catarina. Mas a partir de julho, também vão englobar os óbitos ocorridos em todo o território nacional, por conta de convênio firmado com a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev).


Governo eletrônico


A integração de fontes de dados não serve apenas para a Prova de Vida. Dentro de toda a estrutura do Governo Sem Papel, Santa Catarina está conseguindo checar todas as bases de dados. Sistemas como os da Junta Comercial, Segurança Pública e cartórios já fornecem uma ampla rede de informações.


Grande parte dos serviços oferecidos pelo Governo SC hoje estão em plataformas digitais – tudo realizado com extrema segurança e respeito à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). Uma dos avanços mais importantes foi a possibilidade de qualquer cidadão abrir processos diretamente no sistema eletrônico do governo do Estado, o Sistema de Gestão de Processos Eletrônicos (SGPE), por meio do www.sc.gov.br .


A integração é total: o portal já permite que o interessado, ao fazer a solicitação dentro do SGPE, interaja diretamente com setores do governo – inclusive com a anexação eletrônica de documentos, tornando desnecessário o atendimento presencial, por telefone ou e-mail.


Foto: Ricardo Wolffenbüttel/Secom