press to zoom

press to zoom

press to zoom
1/2

Pomerode vai sediar a abertura do Campeonato Estadual de Downhill

Cerca de 150 pilotos são aguardados nos dias 26 e 27 de fevereiro para compe­tir na abertura do Campeonato Ca­tarinense de Do­wnhill.

Após dois anos parado devido à pandemia, Pomerode será no­vamente destaque no ciclismo. Cerca de 150 pilotos são aguardados nos dias 26 e 27 de fevereiro para compe­tir na abertura do Campeonato Ca­tarinense de Do­wnhill, organizado pela Federação Ca­tarinense de Ciclis­mo (FCC) e Equipe de Downhill de Po­merode com apoio da Prefeitura Muni­cipal de Pomerode e Funpeel.

A prova será realizada na pista do Morro da Turquia, localizada nos fundos do Pavilhão de Eventos. A pista foi inaugurada em 1996, mas foi fechada em 2008, devido a uma barreira que caiu no morro. A Pista foi reaberta novamente em 2012, e desde lá já recebeu várias etapas do Campeonato Catarinense, validas pelo ranking brasileiro além de provas dos JASC.


Pomerode é considerada hoje uma das cidades destaques no Downhill Catarinense e Brasileiro, pois tem a melhor pista de Downhill de Santa Catarina e uma das melhores pistas do Brasil. A pista tem aproximadamente 2,2Km de extensão. Os pilotos levam, em média, 3min30s para fazer a descida.


A equipe da casa que foi formada em 2007 com dois pilotos, vem crescendo a cada ano e hoje conta com pilotos profissionais, que disputam varias provas pelo estado e pelo País.

Downhill:


É uma forma do ciclismo que consiste em descer um morro ou montanha o mais rapidamente possível. As pistas são técnicas com a inclusão de trilhas estreitas, pedras, dropes-off (degraus altos), gaps (vãos a serem transpostos) e duplos (obstáculo composto de ram­pa de lançamento e rampa de recepção com um vão entre elas), ou mesas (o mesmo que o duplo só que com o vão preenchido). Fazem parte das dificuldades que também aguçam a técnica do piloto, raízes, valas, erosões e a lama.

Os pilotos que pra­ticam esta moda­lidade usam bici­cletas especiais e várias proteções, pois as quedas em Downhill não são pequenas e po­dem se machucar facilmente. Usam capacete com pro­teção para o quei­xo e pescoço, ca­neleiras próprias da modalidade, jo­elheiras, muitas vezes em conjunto com as canelei­ras, cotoveleiras e proteções do peito e costas.


Programação:



Sábado, dia 26, acontecem as inscrições e o reconhecimento da pista das 9h às 11h e das 12h às 17h, treinos livres.


Domingo, dia 27, das 08 às 09h, treinos sem paradas, sendo uma descida por piloto. As 10h começa o Qualifay (Tomada de Tempo) e às 14 horas será a prova final e logo em se­guida, a premiação.


Categorias:


ELITE: 19 a 29 anos ou critério técnico (nasc. em 2003 e anos anteriores)

SUB-30: 19 a 29 anos (nasc. em 2003 a 1993)

JUNIOR: 17 a 18 anos (nasc. em 2005 a 2004)

JUVENIL: 15 a 16 anos (nasc. em 2007 a 2006)

INFANTO-JUVENIL: 12 a 14 anos (nasc. em 2010 a 2008)

MASTER A1: 30 A 34 ANOS (nasc. em 1992 a 1988)

MASTER A2: 35 A 39 ANOS (nasc. em 1987 a 1983)

MASTER B1: 40 A 44 ANOS (nasc. em 1982 a 1978) MASTER B2: 45 A 49 ANOS (nasc. em 1977 a 1973)

MASTER C: 50 A 59 ANOS (nasc. em 1972 a 1963)

ESTREANTE: Rígida: (nasc. em 2007 e anos anteriores) Full: (nasc. em 2007 e anos anteriores)

FEMININO ELITE: 16 anos acima (nasc. em 2006 e anos anteriores)


No local haverá Food Truck servindo lanches e também haverá serviço de bar e cozinha.


O evento respeitará o protocolo “Evento Seguro”, definido pelo Decreto Estadual nº. 1371 de 14/07/2021, onde todos os participantes e acompanhantes deverão apresentar o comprovante de Vacinação para o Covid 19 ou apresentação de laudo de exame RT-qPCR realizado nas últimas 72 (setenta e duas) horas ou de Pesquisa de Antígeno para SARS-Cov-2 por swab realizado nas últimas 48 (quarenta e oito) horas com resultado "negativo, não reagente ou não detectado".


Foto: Arquivo